Topo
Blog Direção Legal

Blog Direção Legal

Veja um dos segredos para economizar muito combustível

Denis Freire de Almeida

02/08/2019 07h00

A Primeira Lei de Newton, ou Lei da Inércia, diz que a tendência dos corpos, quando nenhuma força é exercida sobre eles, é permanecer em seu estado natural, ou seja, repouso ou movimento retilíneo e uniforme. E é ela, a inércia, que pode ser a sua maior aliada e, ao mesmo tempo, sua pior inimiga na hora de economizar combustível.

Cadastre-se AQUI e ganhe o Workshop de Direção Segura

Você já empurrou um carro parado? Para colocá-lo em movimento, você precisa fazer muita força nos momentos iniciais, justamente para vencer a inércia. Mas depois que o carro começa a andar, a inércia que antes jogava contra passa a ser sua aliada. Com isso, a força que você precisa fazer é muito menor.

USE A INÉRCIA A SEU FAVOR

Em outras palavras, o carro é "pesado" quando você começa a empurrar e depois fica bem mais "leve", quando está em movimento. E é justamente esse fenômeno que usamos para economizar muito combustível.

Quanto menos você parar o seu carro, mais econômico estará sendo. Essa técnica em conjunto com outras ações como o uso do freio-motor, por exemplo, economizam em média 20% de combustível. Veja a demonstração prática no vídeo abaixo:


Cadastre-se AQUI e ganhe o Workshop de Direção Segura

Sobre o Autor

Denis Freire de Almeida é jornalista formado pela PUC-SP, com 25 anos de experiência na área de automotiva. É idealizador do “Direção Legal” e já trabalhou em veículos como Rede Globo, Quatro Rodas, O Estado de S. Paulo, Record TV e Webmotors. É piloto de testes certificado pela Federação Paulista de Automobilismo desde 1999, além de instrutor de Direção Preventiva e Defensiva.

Sobre o Blog

A ideia do “Direção Legal” é salvar vidas. Você sabia que “cai um Boeing por dia” nas ruas e estradas brasileiras? Isso mesmo, são 104 vítimas fatais todos os dias -- uma a cada 13 minutos. A melhor forma de evitar a ampliação desse número alarmante é informar sobre os riscos ao volante e dar dicas práticas de como minimizá-los. O que nos motiva é que 94% dos acidentes poderiam e podem ser evitados, já que são causados por falha humana. Embarque com a gente nessa viagem.